Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal

 Gabinete de Interação com a Sociedade (GIS IE - UMinho)

Panoramica_Final_2.jpg

Apresentação

O GIS IE-UMinho é uma estrutura interdepartamental que coordena e implementa atividades de interação com a sociedade, tendo como objetivos principais:

 

  • Promover ações de interação com a sociedade integradas na missão do IE, não inseridas diretamente no âmbito do ensino ou investigação formais, visando a satisfação de interesses ou necessidades da comunidade, num quadro de reciprocidade;
  • Promover projetos de formação, de prestação de serviços, culturais e de divulgação científica.

 

Missão

A UMinho, enquanto universidade completa, integra uma dimensão de interação com a sociedade, sustentada num diálogo multidisciplinar, enquadrado no Plano Estratégico da UMinho (2013), em particular, no que refere: "abertura às suas múltiplas envolventes, mantendo um diálogo aberto com os atores económicos, culturais e sociais, valorizando, no horizonte da sua ação, a necessidade de resposta aos desafios que aqueles lhe colocam".

Neste cenário, o GIS IE-UMinho relaciona-se com as forças vitais da sociedade e assume-se como parceiro estratégico, participando ativamente na vida social, económica e cultural da região onde se insere. Pauta a sua ação por valores fundamentais de uma sociedade assente em princípios humanistas, de mais cidadania, de compromisso solidário com todos os cidadãos e cidadãs, por forma a apoiá-los/las nas respostas aos desafios que as comunidades enfrentam atualmente, com particular destaque para o desenvolvimento da Agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável e para a educação 2030.

Neste espaço de atuação e afirmação, o IE apresenta um histórico com mais de 40 anos de interação com a sociedade, o que lhe permite beneficiar de uma experiência diferenciadora que articula uma diversidade de respostas e aprofunda outras.

 

Composição

Maria Teresa Machado Vilaça (Vice-Presidente do Instituto de Educação)

Ana Paula Loução Martins (Departamento de Psicologia da Educação e Educação Especial)

Carla Pires Antunes (Departamento de Teoria da Educação e Educação Artística e Física)

Carlos Alberto Gomes (Departamento de Ciências Sociais da Educação)

Fernando Guimarães (Departamento de Estudos Integrados de Literacia, Didática e Supervisão)

Isabel C. Viana (Departamento de Estudos Curriculares e Tecnologia Educativa)

 

Atividades

O GIS IE-UMinho desenvolve atividades transversais que assentam nos princípios da reciprocidade, da participação e da cooperação especializada, por iniciativa própria ou em resposta a solicitações de diferentes entidades e organizações, regionais, nacionais e internacionais:

 

  • ações de formação contínua por iniciativa do IE ou em resposta a solicitação específica de Centros de Formação, Instituições de Ensino Superior, Escolas, Autarquias e Associações, entre outras instituições de cariz educativo;
  • serviços de consultoria, acompanhamento científico, emissão de pareceres e realização de estudos, junto de instituições públicas e privadas, segundo o plano de atividades do Instituto de Educação.

Contactos
Coordenação
Maria Teresa Machado Vilaça
(Vice-Presidente do Instituto de Educação)

Coordenador Executivo
Luís Carlos Fernandes
Telefone: 253 60 42 41
Gabinete: ​Piso 0 - Edifício 13 - Campus de Gualtar - Braga - Portugal
Instituto de Educação da Universidade do Minho

Secretariado
Natália Rodrigues
Telefone: 253 60 12 13 
Gabinete: ​Piso 0 - Edifício 13 - Campus de Gualtar - Braga - Portugal
Instituto de Educação da Universidade do Minho​​

Formação Contínua e Cursos Breves
O GIS IE-UMinho coordena a oferta de formação contínua e de outra formação, tal como cursos breves e ações de curta duração.
Protocolos e Parcerias
O GIS IE-UMinho apoia e dinamiza protocolos de cooperação com associações socioeducativas, escolas, autarquias e associações de desenvolvimento local.
Consultoria e Avaliação
O GIS IE-UMinho coordena serviços de consultoria e avaliação de projetos e programas.
Pareceres e Estudos
O GIS IE-UMinho coordena a emissão de pareceres e realização de estudos solicitados por entidades externas.